janeiro | sobre cestos, tear e produtividade

simplee_cachepot_trico_circular_detail.jpg

Como mencionei no post anterior, comecei o ano com muita energia e vontade de colocar as coisas em prática. Talvez seja porque eu tenha lido livros que me instigaram a fazer coisas. Em um deles encontrei um exercício no qual eu deveria listar as coisas que quero fazer/ser. A partir daí, eu deveria desmembrar cada uma das coisas em pequenas ações e o livro desafiava a colocar pelo menos uma das ações em prática hoje, agora. E foi assim que eu tomei a atitude de comprar meu tear circular.

Em uma destas auto-analises motivadas ou não por livros, percebi que um dos meus objetivos de vida é me manter em movimento, aprendendo coisas novas. Gosto de saber como uma coisa é feita e isso me traz um senso de consciência muito maior das coisas que me cercam, como já falei mais de uma vez por aqui.

A nossa relação com as roupas muda quando aptendemos como se faz uma roupa. A relação com acessórios, objetos, utilitários, etc, muda quando vemos o trabalho que dá. E comigo foi assim, fiquei um tempo buscando encontrar o que chamam de ‘paixão’, aquela coisa que eu amaria e faria para sempre. Mas com o tempo eu vi que para mim isso não ia rolar e descobri que dentre as muitas coisas que eu gosto, aprender e compartilhar as coisas me alegra e me motiva.

simplee_cachepot_trico_circular.jpg

Voltando à temática inicial do post, o ano começou com uma técnica nova, e minha segunda experiência com tear circular foi bem melhor que a primeira. Escolhi um ponto pra seguir até o final e fiz mais dois cachepôs, um deles é esse aí da foto.

Graças a esta experiência, vasinhos feios de plástico que estavam em casa ficaram bem mais bonitos. Meus olhos agradecem. Haha

Adorei fazer o tricô no tear mas daí eu fiquei com saudades dos meus cestos e aquele restinho de corda estava me olhando já tinha um tempo, daí voltei para os cestos de corda e lã.

Em 2018 eu fiz um cesto que era uma espécie de bandeja e durante as minhas férias comecei um cesto gordinho, um formato que já queria fazer há um tempo. Usei as mesmas cores, para formar um conjunto.

Na semana passada decidi que o meu conjunto seria um trio, e então dei início à terceira peça. Nesse meio tempo fui para a praia e o trânsito da volta rendeu bastante. Finalizei o cesto há uns dois dias e agora falta uma foto do trio.

IMG_8354.jpeg

Uma coisa surpreendente deste mês pra mim foi conseguir tocar diferentes projetos nas horas vagas. Precisei me colocar alguns limites, estipular horários e ter um pouco de persistência mas deu para aprender que não dá pra fazer tudo ao mesmo tempo, mas dá para fazer uma coisa de cada vez.